Você já imaginou como é o setor de Coleções Especiais e Obras Raras? Assista o vídeo

Localizado na Biblioteca Central, o setor de Coleções Especiais e Obras Raras é resultado de doações e compras e inclui obras das mais diversas áreas do conhecimento. O acervo conta com exemplares únicos, livros raros e manuscritos.

E você já imaginou como é esse setor? Para acabar com a curiosidade, preparamos um vídeo contando um pouco mais sobre ele. Se você quiser conhecer o setor pessoalmente, entre em contato conosco e agende uma visita!

Literatura na Serra Gaúcha: assista a produção da UCS Play

ucsplay 2A regionalidade na literatura pode ser explorada sob diversos pontos de vista. Desde as temáticas das histórias, que se relacionam com a região, até o sistema literário como um todo, que é desenvolvido em determinado local. João Cláudio Arendt, doutor em linguística e professor da UCS, coordena um grupo que pesquisa a literatura na Serra gaúcha. Neste vídeo, ele fala sobre as conquistas de autores da região e fatos que foram marcos importantes para esse sistema literário. Também relata situações contraprodutivas, como a censura a livros promovida pela imprensa nos anos 1940 e 1950.

Biblioteca Britânica disponibiliza espetacular coleção de itens em formato 3D

BRITISH-LIBRARYVirando as páginas (Turning the pages) é um programa de computador desenvolvido pela Armadillo Studios que permite bibliotecas e museus possam digitalizar livros, manuscritos e outros documentos em um formato 3D. Os leitores encontrarão a espetacular coleção de itens da Biblioteca Britânica digitalizada com este software. A coleção pode ser de especial interesse para estudos literários, estudos religiosos, historiadores e amantes de livros de todos os tipos.

Esta ampla coleção, que abrange séculos e gêneros, inclui destaques do caderno de Leonardo da Vinci; uma história manuscrita e ilustrada da Inglaterra, de autoria de Jane Austen, de treze anos; e diários mantidos por Robert Scott durante sua viagem final à Antártica em 1911 e 1912 (uma expedição que tragicamente terminou em sua morte). Além disso, esta coleção apresenta vários textos religiosos, o diário musical de Mozart e muito mais. Os itens são acompanhados por anotações detalhadas que fornecem contexto adicional para cada página. Acesse o link.

Fonte: CBBU

 

5 histórias de Stephen King para ler nas Bibliotecas UCS e assistir na Netflix!

STEPHEN-KINGO escritor americano Stephen King, famoso por suas histórias de terror e ficção, está completando 71 anos hoje.  O escritor, que nasceu em Portland em 1947, vendeu mais de 350 milhões de cópias com publicações em mais de 40 países e já teve diversas obras adaptadas para filmes e séries.

Para comemorar junto com Stephen King, separamos cinco histórias para você ler nas Bibliotecas UCS e assistir na Netflix!

Escuridão total sem estrelas

Na ausência da luz, o mundo assume formas sombrias, distorcidas, tenebrosas. Em “Escuridão total sem estrelas”, vários contos envolvem temas nas quais os crimes parecem inevitáveis; as punições, insuportáveis; as cumplicidades, misteriosas. No conto “1922”, que inspirou o filme de mesmo nome, o agricultor Wilfred e o seu filho Hank, precisam decidir do que é mais fácil abrir mão: das terras da família ou da esposa e mãe.

Número de chamada: 821.111(73)-312.4 K54e 2015

Jogo perigoso

Jessie e Gerald estão passando por uma crise na relação. Na tentativa de apimentar o casamento, os dois viajam para uma região isolada no Maine. Mas um jogo na cama acaba se transformando em prelúdio para uma noite de terror. Ela está presa e logo percebe que não há chance de alguém ouvir seus gritos. É então que, impotente e acompanhada apenas do cadáver do marido, Jessie vê todos os seus maiores medos ressurgirem para torturá-la.

Número de chamada: 821.111(73)-312.4 K54ja 2007

Sob a redoma

Em um dia como outro qualquer em Chester’s Mill, no Maine, a pequena cidade é subitamente isolada do resto do mundo por um campo de força invisível. Ninguém consegue entender o que é essa barreira, de onde ela veio e quando – ou se – ela irá desaparecer. O isolamento expõe os medos e as ambições de cada um, até os sentimentos mais reprimidos. Assim, enquanto os habitantes correm contra o pouco tempo que têm para descobrir a origem da redoma e uma forma de desfazê-la, ainda terão de combater a crueldade humana em sua forma mais primitiva. A história foi transformada na série “Under the Dome”.

Número de chamada: 821.111(73)-312.4 K54sb 2012

Celular

Clay Riddell presencia algo inacreditável: as pessoas que o cercam, falando em seus telefones celulares, ficam completamente loucas. Sem qualquer traço de humanidade, matam todos que vêem pela frente, guiados pelo “Pulso”, que através de seus telefones os transformou em zumbis assassinos. Em um cenário apocalíptico, Riddell e alguns poucos outros humanos imunes tentam vencer a multidão de criaturas homicidas, e o protagonista quer ainda encontrar o filho em meio ao caos. O filme “Conexão Mortal” foi inspirado no livro.

Número de chamada: 821.111(73)-312.4 K54c 2007

Christine

Arnie Cunnigham era um fracassado. Isso até Christine entrar em sua vida. Foi amor à primeira vista. Só que Christine é um carro. Um Plymouth Fury 1958. Um feitiço sobre rodas que se apodera de Arnie e o transforma. Há algo poderosamente maligno solto pelas estradas de Libertyville. Uma força sobrenatural que vai deixando um rastro de sangue por onde passa.

Número de chamada: 821.111(73)-312.4 K54c 2011

Fonte: Livraria Cultura

Saiba mais sobre a biblioteca do Programa UCS-LE Línguas Estrangeiras

Você já deve ter percebido que o Sistema de Bibliotecas da Universidade de Caxias do Sul é composto por várias bibliotecas localizadas em diferentes regiões. Atualmente, 11 bibliotecas fazem parte do sistema e elas estão presentes em todos os campi da universidade. Coordenadas pela Biblioteca Central, as bibliotecas setoriais oferecem apoio às atividades de ensino, pesquisa e extensão e acesso à informação a toda comunidade acadêmica.

Para você explorar todo o universo do Sistema de Bibliotecas, preparamos um conteúdo especial sobre a infraestrutura, os serviços e as curiosidades de cada biblioteca. No primeiro post, conheça a biblioteca do Programa UCS-LE Línguas Estrangeiras!

Localizada no Bloco L do Campus Sede, a biblioteca passou a fazer parte do sistema em março de 2016. Na entrada, um espaço aconchegante com sofás dá boas-vindas aos visitantes. Já no interior da biblioteca, há mesas para estudo e um acervo com materiais relacionados à área de línguas estrangeiras, como livros, periódicos e multimeios nos diferentes idiomas para consulta e empréstimo. 

A biblioteca está aberta nas segundas, quartas e sextas-feiras, das 12h30min às 16h e das 17h às 21h30min; e nas terças e quintas-feiras, das 13h30min às 17h30min e das 17h45min às 19h45min.

Atenção: horário alterado nas bibliotecas de CAHOR e CARVI

HORARIO-CARVI-CAHORNo dia 21 de setembro, a biblioteca do Campus Universitário da Região das Hortênsias (CAHOR) abrirá das 13h30min às 21h30min.

No dia 22 de setembro, a biblioteca do Campus Universitário da Região dos Vinhedos (CARVI) não estará funcionando.

Em caso de dúvidas, entre em contato com a biblioteca através das redes sociais e do email bice@ucs.br.

Feriado nas Bibliotecas UCS

feriadoAs Bibliotecas UCS estarão fechadas no dia 20 – feriado estadual da Revolução Farroupilha. Retornaremos normalmente na sexta-feira, dia 21.

Em caso de dúvidas, entre em contato através das redes sociais, do email bice@ucs.br ou do telefone (54) 3218-2173.

Você já conhece o Repositório Institucional da UCS?

Toda a produção acadêmica e científica da Universidade de Caxias do Sul, na qual abrange os trabalhos de conclusão de curso, dissertações de mestrado e teses de doutorado, pode ser acessada no Repositório Institucional da UCS. Ficou curioso para conhecê-lo? Assista o nosso vídeo:

Qualquer dúvida, entre em contato pelo e-mail bice@ucs.br

Bibliotecárias participam do Encontro Regional do Pergamum

pergamumNos dias 13 e 14 de setembro, as bibliotecárias Ana Guimaraes Pereira, Carolina Meirelles Meroni, Márcia Servi Gonçalves e Michele Marques Baptista e a analista de TI Claudia Maria Butignol participaram do Encontro Regional do Pergamum, realizado no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), Campus Porto Alegre. O Encontro Regional tem como objetivo esclarecer as principais dúvidas na utilização do software, bem como apresentar as novas implementações.

O que aconteceu na Semana Farroupilha das Bibliotecas UCS?

A Semana Farroupilha nas Bibliotecas UCS está chegando ao fim. O bom chimarrão e as atividades tradicionalistas engradeceram esta semana e criaram um ambiente de confraternização, aproximando a comunidade acadêmica da cultura gaúcha.

As danças gaúchas se destacaram na Biblioteca Central e na biblioteca de Farroupilha com as apresentações dos Centros de Tradições Gaúchas (CTGs) Herdeiros da Tradição e Rancho do Gaudério. A música tradicionalista também esteve presente, com as apresentações dos músicos Pedro Rosano, Samuel Rigatti e de alunos do Campus de Farroupilha. As rimas gaúchas ganharam uma outra entonação nas vozes dos trovadores Francisco Zanotto e Gabriel Zanotto e do declamador Gerson Theisen na Biblioteca Central. A biblioteca de São Sebastião do Caí recebeu a visita das prendas mirins Gabriela Teixeira Corrêa e Manuela Gracioli. E as rodas de chimarrão estiveram presentes em todas as bibliotecas da UCS. A Biblioteca Central contou com o apoio da erva-mate Rei Verde e a biblioteca de Nova Prata com o apoio da erva-mate Ximango. Agradecemos a presença e a participação de todos!

 

 

 

Fique atento: biblioteca de CAMVA abrirá em um horário diferente nesta sexta-feira (14)

horário-camva-11.09A biblioteca do Campus Universitário de Vacaria (CAMVA) abrirá das 13h15min às 14h e das 16h às 22h30min no dia 14 de setembro (sexta-feira).

Em caso de dúvidas, entre em contato com a biblioteca através das redes sociais e do email bice@ucs.br.

 

 

Para entender Caio Fernando Abreu

caioO autor gaúcho Caio Fernando Abreu completaria 70 anos nesta quarta-feira (12) e sua obra reúne um vasto número de contos, romances, novelas e peças. Seus textos versam sobre temas tão diversos como sexo, relações amorosas, política, psicologia, movimentos contraculturais e a própria trivialidade da rotina.

A partir de matérias do GaúchaZH, reunimos indicações de livros sobre o autor e que estão disponíveis no nosso acervo. Aproveite e participe do Desafio Literário de setembro!

Indicações de livros sobre o autor:

  • Para sempre teu, Caio F.: cartas, conversas, memórias de Caio Fernando Abreu – Paula Dip. Número de chamada: 821.134.3(81)-94 D596p
  • Caio Fernando Abreu: inventário de um escritor irremediável –  Jeanne Callegari. Número de chamada:929ABREU A162c
  • Caio Fernando Abreu: cartas – Italo Moriconi. Número de chamada: 821.134.3(81)-6 C135
  • Jogo do imaginário em Caio F. – Eulália Isabel Coelho. Número de chamada: 821.134.3(81).09 C672j

Indicações de livros do autor:

  • Morangos Mofados – Número de chamada: 821.134.3(816.5)-34 A162m

“O mais conhecido livro de Caio Fernando Abreu é um clássico da literatura brasileira contemporânea. Um dos motivos do livro ter sido tão lido quando lançado, em 1982, foi ter contado aos leitores, durante um período em que nosso país não havia retomado a democracia, o que sentiam e faziam os gays, loucos e toda a juventude diante do imenso preconceito da sociedade e da repressão dos seus ideais. A solidão, dor, marginalização e demais sentimentos de estranhamento são abordados em contos curtos e cheios de significados nas entrelinhas”. Indicação de Vanessa Souza – Mestra em psicanálise e literatura

  • As Frangas (infantil) – Número de chamada: 82-93 A162f

“As Frangas conta a história das frangas do quintal da casa, partindo da história infantil A Vida Íntima de Laura, de Clarice Lispector. O pequeno leitor conhece Caio e já fica curioso para conhecer Clarice. Belo começo!!!” Indicação de Márcia Ivana de Lima e Silva – Professora do Instituto de Letras da UFRGS

  • O Ovo Apunhalado – Número de chamada:821.134.3(816.5)-34 A162o

“No livro O Ovo Apunhalado seu estilo elaborado e criativo se consolida, com domínio da linguagem e trabalho minimalista da palavra, equilibrando técnica, sensibilidade e emoção. A crítica social, que aparece fortemente em Inventário do Irremediável (1970), se intensifica, assim como a utilização de imagens surreais e do gênero fantástico. Embora este fosse um procedimento frequente nas literaturas da América do Sul e Central, onde até ganhou a denominação particular de “realismo mágico”, como uma forma transversa de representar as ditaduras e o autoritarismo, o escritor vai além da alegoria e explora o recurso com inventividade, não se limita à matéria específica da época. Acrescenta também novos elementos como a ecologia, o misticismo e referências simbólicas e esotéricas de diferentes tradições, Astrologia, contatos com extraterrestres, entidades e viagens astrais, a psicodelia hippie, o uso de drogas e a cultura pop. O Autor experimenta, inventa, ousa, expõe a carne viva com arte. Como poucos fizeram”. Indicação de Amanda Costa – Autora de 360 Graus – Inventário Astrológico de Caio Fernando Abreu

Fontes: Para entender Caio Fernando Abreu: confira livros, filmes e peças sobre o poeta gaúcho  e Confira dicas de leitura de Caio Fernando Abreu

Saiba como pesquisar os materiais recém-cadastrados no catálogo online

O catálogo online oferece a opção de pesquisar os materiais recém-cadastrados. Confira abaixo o passo a passo:

Na opção “Selecione outras pesquisas”, clique em “Outras Pesquisas”:

1

Em “Opções de consulta”, no item “Buscar por”, escolha a opção “Novas Aquisições”:

2

Para obter um resultado mais preciso, você pode selecionar em qual biblioteca deseja realizar a busca na opção “Unidade de Informação”:

4

E ainda você pode escolher o tipo de obra na opção “Tipos de obra”:

5

Depois, clique em “Todos os materiais”:

6

Caso você queira selecionar a busca por alguma área ou assunto, digite o termo da pesquisa, escolha a opção que deseja em “Listar” e clique em “Pesquisar”:

7

Helio Jaguaribe, imortal da Academia Brasileira de Letras, morre aos 95 anos

helio jaguaribeO escritor, sociólogo e cientista político Helio Jaguaribe ocupava a cadeira número 11 da Academia Brasileira de Letras desde 2005 e suas obras são de  grande importância para a interpretação do processo histórico brasileiro.

O presidente da ABL, Marco Lucchesi, fez uma declaração sobre o escritor: “Helio Jaguaribe foi um dos últimos grandes intérpretes de nosso país. Estudou o Brasil para transformá-lo, mediante uma abordagem desenvolvimentista, com a fundação do Iseb (Instituto Superior de Estudos Brasileiros), nos anos 50”.

Lucchesi lembrou da trajetória de Jaguaribe na defesa da indissociabilidade entre ação e pensamento, “como Darcy Ribeiro e Celso Furtado, que o precederam na cadeira 11 da Academia Brasileira de Letras”. Entre a vasta obra do imortal estão “A dependência político-econômica da América Latina” e “Um estudo crítico da história”.

Conheça algumas das obras de Helio Jaguaribe que fazem parte do nosso acervo:

  • Alternativas do Brasil

Número de chamada: 32(81) J24a

  • Brasil, homem e mundo: reflexão na virada do século

Número de chamada: 316.42″19/20″ J24b

  •  Brasil: reforma ou caos

Número de chamada: 338(81) B823

  • A dependência político-econômica da América Latina

Número de chamada: 339.54(7/8=134) D419 

  • Desenvolvimento econômico e desenvolvimento político

Número de chamada: 338.1 J24d

  • Introdução ao desenvolvimento social: breve estudo comparativo e crítico das perspectivas liberal e marxista e dos problemas da sociedade não repressiva

Número de chamada: 338(81) J24i 

  • Perspectivas para o Brasil

Número de chamada: 321.01 J24p

Fontes: EBC e Estadão

Fique atento: biblioteca de CAMVA abrirá em um horário diferente nesta terça-feira

horário-camva-11.09A biblioteca do Campus Universitário de Vacaria (CAMVA) abrirá das 13h15min às 16h30min e das 17h45min às 22h15min no dia 11 de setembro (terça-feira).

Em caso de dúvidas, entre em contato com a biblioteca através das redes sociais e do email bice@ucs.br.

Associação de Língua Moderna comporta pesquisas sobre folclore e outros temas

mlaO folclore traduz a cultura popular de um país ou uma região, representando a identidade social da comunidade que ali vive por meio de manifestações artísticas de costumes e tradições. A palavra vem do inglês (folklore) e significa “sabedoria popular”: folk (pessoas) e lore (conhecimento). Este é um dos temas que podem ser consultados na base de dados Modern Language Association International Bibliography (MLA International Bibliography), disponível no acervo do Portal da CAPES.

A MLA é uma associação profissional voltada principalmente para pesquisadores de línguas e literatura. A plataforma MLA International Bibliography permite acesso a citações bibliográficas de artigos de revistas científicas, sites acadêmicos, livros, trabalhos de congressos e conferências, monografias, teses, dissertações, entre outros documentos. Além de folclore, línguas e literatura, a plataforma indexa conteúdos correlatos ligados a categorias como, por exemplo, linguística, teatro, arte dramática e teoria e crítica literárias.

A base de dados referencial comporta materiais desde 1926 com cobertura que abrange o mundo todo: África, Ásia, Austrália, Europa, América do Norte e América do Sul. A MLA, segundo o editor, inclui anualmente mais de 66 mil novos itens para consulta. Com mais de dois milhões de registros nas áreas indicadas, a plataforma oferece uma série de facilidades para os usuários, como possibilidade de envio de conteúdo por e-mail em formato HTML ou texto simples e tradutor de 11 idiomas, incluindo português.

Fonte: Portal de Periódicos da CAPES

Semana Farroupilha nas Bibliotecas UCS!

Semana-Farroupilha-ImagemSetembro é um mês especial para a cultura gaúcha e as bibliotecas da UCS prepararam uma Semana Farroupilha para estimular a leitura e a tradição. Nos dias 10 a 14 de setembro, você está convidado a participar das rodas de chimarrão e a conhecer o espaço decorado com peças e vestimentas tradicionalistas.

Confira a programação completa e venha prestigiar o evento!

PROGRAMAÇÃO

  • Biblioteca Central (BICE)
    Horário: das 7h45min às 22h40min
    Local: hall de entrada da biblioteca
    Degustação de erva-mate
    No dia 12, às 19h30min, declamação e trovas tradicionalistas com Gerson Claudinei dos Santos Theisen, Francisco Zanotto e Gabriel Zanotto
    No dia 13, às 13h30min e no dia 14, às 18h30min, apresentação de músicas tradicionalistas com Pedro Rosano

 

  • Biblioteca de Vacaria (CAMVA)
    Horário: das 18h30min às 21h30min
    Local: hall de entrada da biblioteca
    Degustação de erva-mate
    Sorteio de um conjunto de bomba e cuia no último dia do evento

 

  • Biblioteca da Região dos Vinhedos (CARVI)
    Horário: das 18h às 22h
    Local: hall de entrada da biblioteca
    Degustação de erva-mate
    Sorteio de um livro
    No dia 12, às 21h, apresentação de músicas tradicionalistas com Samuel Rigatti

 

  • Biblioteca da Região das Hortênsias (CAHOR)
    Horário: das 17h às 22h30min
    Local: hall de entrada da biblioteca
    Degustação de erva-mate

 

  • Biblioteca de Farroupilha (CFAR)
    Horário: das 18h30min às 22h30min
    Local: hall de entrada da biblioteca
    Degustação de erva-mate
    No dia 11, às 21h, apresentação de músicas tradicionalistas pelos alunos do Campus
    No dia 13, às 21h, apresentação da invernada mirim do CTG “Rancho do Gaudério”

 

  • Biblioteca de Nova Prata (CPRA)
    Horário: 18h30min às 21h30min
    Local: hall de entrada do Campus e da biblioteca
    Degustação de erva-mate
    Todas as noites, das 18h30min às 19h40min, haverá música tradicionalista no hall de entrada do Campus
    No dia 12, às 21h, haverá salchipão, apresentação de um gaiteiro mirim e sorteio de uma térmica e erva-mate

 

  • Biblioteca do Vale do Caí (CVALE)
    Horário: das 19h30min às 22h30min
    Local: hall de entrada da biblioteca
    Degustação de erva-mate
    Todas as noites, das 18h30min às 19h40min, haverá música tradicionalista no hall de entrada do Campus

 

  • Biblioteca de Guaporé (CGUA)
    Horário: das 19h às 21h30min
    Local: hall de entrada da biblioteca
    Degustação de erva-mate
    Sorteio de brindes no último dia de evento

Os 5 melhores poemas de Mario Quintana

mario-quintana-foto-liane-neves-2Poeta, tradutor e jornalista, Mario Quintana estreou na literatura em 1940 com o livro “A Rua dos Cataventos”. O poeta também deixou um amplo trabalho de tradução, com destaque para as obras “Em Busca do Tempo Perdido”, de Marcel Proust, e “Mrs. Dalloway”, de Virginia Woolf. Em 1980 recebeu o prêmio Machado de Assis, pelo conjunto da obra.

O site Revista Bula pediu aos seus leitores e colaboradores que apontassem os poemas mais significativos de Mario Quintana e, para esta publicação, selecionamos cinco poemas (para ver a lista completa, acesse o site). Para conhecer as obras completas do autor, visite as Bibliotecas UCS!

Do amoroso esquecimento
Eu agora — que desfecho!
Já nem penso mais em ti…
Mas será que nunca deixo
De lembrar que te esqueci?

Emergência
Quem faz um poema abre uma janela.
Respira, tu que estás numa cela
abafada,
esse ar que entra por ela.
Por isso é que os poemas têm ritmo —
para que possas profundamente respirar.
Quem faz um poema salva um afogado.

Poeminho do Contra
Todos esses que aí estão
Atravancando meu caminho,
Eles passarão…
Eu passarinho!

Os Poemas
Os poemas são pássaros que chegam
não se sabe de onde e pousam
no livro que lês.

Quando fechas o livro, eles alçam voo
como de um alçapão.
Eles não têm pouso
nem porto
alimentam-se um instante em cada par de mãos
e partem. E olhas, então, essas tuas mãos vazias,
no maravilhado espanto de saberes
que o alimento deles já estava em ti…

Esperança
Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano
Vive uma louca chamada Esperança
E ela pensa que quando todas as sirenas
Todas as buzinas
Todos os reco-recos tocarem
Atira-se
E — ó delicioso voo!
Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada,
Outra vez criança…
E em torno dela indagará o povo:
— Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?
E ela lhes dirá
(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)
Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:
— O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA…

Texto adaptado de Carlos Willian Leite, Revista Bula

Pesquisa avançada: como combinar termos na busca

No post publicado na semana passada, mostramos como selecionar a Pesquisa Avançada no catálogo online e algumas opções dessa busca. Outra característica da Pesquisa Avançada é a possibilidade de fazer cruzamentos dos campos de informação, com o objetivo de obter um resultado mais preciso.

A pesquisa trabalha com seis operadores booleanos, sendo possível cruzar até três campos de informação.

1

Nos campos de informação, você pode escolher Autor, Título, Assunto ou Pesquisa Livre:

2

Os operadores booleanos permitem a consulta simultânea de Autor, Título, Assunto e Livre. Os operadores disponíveis são E, OU , NÃO, DEPOIS, ANTERIOR E PRÓXIMO:

3

Você conhece os principais operadores booleanos?

E – Usado para relacionar termos de busca, restringindo resultados. Para que retorne resultados, ambos os termos precisam ocorrer no documento;

OU – Usado para somar termos de busca e ampliar o resultado. Se no documento ocorrer apenas um dos termos (ou mais), ele será mostrado;

NÃO – Exclui termos para que cada resultado da pesquisa não contenha nenhum dos termos que o seguem.

 

 

Feriado nas Bibliotecas UCS

feriado---Cópia-4As Bibliotecas UCS estarão fechadas no dia 7 – feriado nacional da Independência do Brasil e no dia 8 de setembro – feriado universitário.

Em caso de dúvidas, entre em contato através das redes sociais, do email bice@ucs.br ou do telefone (54) 3218-2173.